quinta-feira

Carioca X Libertadores


Depois de vários jogos realizados, pela Taça Rio, paralelo aos jogos da Libertadores já podemos obter algumas respostas às velhas perguntas de sempre.

Será possível o Flamengo, com elenco atual, disputar as duas competições?

Será possível não priorizar uma delas e obter 100% nas duas?

O torcedor rubro negro sabe que o clube tem um dos melhores elencos do país. Contamos com jogadores de nível de seleção, experientes, pratas da casa e ate “meias bocas” e sem contar que estamos vivendo um ótimo momento financeiro com salários em dia.

Mas a questão principal acaba sendo outra. O foco de um projeto. O que seria mais importante,o Bi da Libertadores ou o tetra carioca? Claro que os dos títulos a ser conquistados são inéditos e cada um tem um valor próprio. Porém todos nós sabemos que a libertadores além de um grau maior de dificuldade tanto para chegar como para ganhar e também muito mais importante se colocarmos num plano geral.

O elenco diversificado que nós temos é suficiente para disputar as duas competições sim. Portanto devemos dar importância as duas.

Mas de qual quer forma, situações como cansaço de jogadores, falta de treinos, suspensões e contusões mudam os planos inicias de contar com os onze melhores jogadores todos os jogos. Assim a velha tática do mistão é usada em um determinado jogo devido às condições dos jogos com maior importância. Ou seja, o “mistão” usado, mesmo devido à questão não opcionais já é priorizar o outro jogo, ou melhor, explicando, a outra competição.

O técnico Andrade, ao contrario de outros, ainda não adotou o mistão ou time reserva para a atuação de jogos validos pelo carioca. Se somar isso a declarações feitas do vice de futebol do clube, no inicio do ano, quando ele disse que o tetra e tão importante como o bi chegaremos uma conclusão: que o flamengo não prioriza a libertadores e se responsabiliza a obter 100% nas duas com elenco e as condições que tem.

Uma coisa é certa, a maioria dos racionais com toda certeza defendem um priorização do torneio continental sendo que não precisa ser uma coisa escancarada, porém deve ter no mínimo uma motivação maior para ganhar a melhor.

Finalizando o flamengo deve sim priorizar a libertadores, mas na medida do possível. Tentar vencer a taça rio e conseqüentemente ser campeão carioca, é importante para dar certa moral ao time evitando uma crise de confiança pós fracasso de um campeonato do nível do carioca. Mas sempre é bom lembrar que se as conquistas podem ser positivas servindo de motivação para futuras, elas também podem mascarar a realidade e causar conseqüências negativas levando o clube a derrocada, como já vimos em episódios bem recentes na historia do clube. Sendo que o elenco deve ser utilizado de acordo com realidade exigida para um melhor aproveitamento em campo nas duas competição sem prejudicar a priorizada.

Abraços, saudações revolucionárias rubro-negras e bom final de semana para todos!

Email para a coluna: afsturtdasilva@yahoo.com.br

8 comentários:

Gremista Fanático disse...

Ah cara, não resta duvidas que a Libertadores é infinitamente superior ao estadual, mas se der pra papar os 2 ai fica perfeito, abraço.

Saudações do Gremista Fanático

Jefferson freire disse...

Dá pra ganhar as duas competições. Andrade começará a mesclar o time. ele já cogitou a ideia de não escalar o love na próxima partida e acho que está certo. Contra times pequenos dá para mesclar e não forçar muito o jogador. Acho que time com força total somente nos clássicos. A prioridade é a libertadores, mas o carioca é quase que uma obrigação diante do time que temos.

SRN

Rodrigo Polito disse...

Fala, Sturt,

eu sempre defendi que o melhor era ganhar as duas competições. Mas depois dos dois fracassos na Libertadores, logo após os títulos estaduais (Foi assim contra o Defensor/URU e o América/MÉX) este ano eu abro mão do Tetra carioca por uma campanha mais decente na Libertadores.

Temos um time muito bom tecnicamente, rápido, com algumas opções de banco. Temos um excelente ataque. Enfim, temos time para sermos campeões da Libertadores!

Não quero outro carioca como prêmio de consolação pela derrota na Libertadores...

abs

Mel disse...

Sturt,
Não priorizar nenhum, até certo ponto está certo. Flamengo tem um ótimo elenco, é um time grande e como tal tem que pensar sempre grande. Porém poupar certos jogadores de um jogo do carioca não seria uma má ideia, até porque mesmo um time misto do Fla tem condições de vencer certos times.
Com o elenco atual, estou certa que chegaremos longe nos dois campeonatos, mas o que me preocupa é quando começar a vencer os contratos de jogadores importantes, como Love e Adriano, podemos não contar com eles para uma possível final de Libertadores, aí começa a ficar complicado...

Um grande abraço, SRN.

EMERSON disse...

Eu acho que da para ganhar tudo só que lideres do time tem que ter seriedade casos de Adriano e Love e Pet estar bem fisicamente maisna minha humilde opiniao seria otimo um grande meia a um bom zagueiro mesmo sabendo que nosso time e bom e eu gostaria de Ver diego Mauricio no time de cima mesmo que fosse só no Carioca parabens Stuart

Alexandre Jorge disse...

Com certeza a conquista da Libertadores cobrirá qualquer decepção que uma possível desclassificação no carioca venha a causar.... Mas em se tratando do Flamengo... é sim possível vencer as duas competições... além de camisa e Nação... temos também um elenco forte e um técnico inteligente...

www.acabacomelesflamengo.blogspot.com

AF STURT disse...

Mel bem lembrado,a questão dos contratros curtos.

Em posts passados já tinha tratado deste assunto,que não me lembro se foi nesse blog ou no outro que administro.

Mas sempre é bom ter em pauta esse tema que é decesivo para nosso futuro depois da copa.

SRN!

Claudio Henrique disse...

Tem time para disputar e se dar bem priorizando as duas competições. O Flamengo tem um dos melhores elencos do Brasil e o vejo como um grande desafio para o meu Santos rsrs.

Abraços