sábado

Fla aos trancos e barrancos


Rio - Desfalcado por lesões, suspensões e saída de jogadores, o Flamengo terá que apostar nos garotos das divisões de base para o jogo de amanhã, contra o Avaí, em Florianópolis, e também para o Brasileiro, já que a diretoria diz que não fará ‘contratações loucas’. Não bastasse a pressão, no momento em que os jovens precisam de confiança, o presidente em exercício Delair Dumbrosck detona o trabalho realizado antes de eles chegarem ao profissional, e Andrade diz que eles não deveriam ser lançados agora.

“Vamos ter que ir com os garotos mesmo, mas com um ensinamento: nos juniores, eles jogam de igual para igual. Quando chegam ao profissional, não tem massa muscular, tomam uma cacetada e rodam para lá e para cá. Até fevereiro, no Ninho do Urubu tinham apenas duas bicicletas ergométricas quebradas. A base precisa ser olhada para ter qualidade”, afirma Delair, esquecendo-se, talvez, que ele próprio faz parte desta gestão, e lembrando que sua contribuição foi montar a sala de musculação.

O torcedor não deve se iludir e terá de se acostumar ao time aos ‘trancos e barrancos’ dos juniores. “É preciso calma, não entraremos na roda viva de contratações loucas. Não adianta trazer uruguaio, paraguaio, jogador do Ipatinga...Não adianta contratar por DVD, nem vamos fazer grandes contratações para não inflacionar a folha. Daqui a pouco temos 200 jogadores”, completou o dirigente.

Bruno, Ronaldo Angelim, Willians e Adriano estão confirmados para enfrentar o Avaí. Emerson saberá hoje se tem condições de jogo. Caso seja vetado, Denis Marques será o titular. Na zaga, Welinton deve formar o trio com o Angelim e Willians. Rômulo entraria na cabeça de área ao lado de Lenon. Everton Silva e Everton, que deve voltar , serão os alas, com Fierro no meio.

Andrade lamenta: “Não existe outra solução, temos que utilizar os jogadores da base. Vamos sofrer um pouquinho”. Bruno resume bem: “Para ganhar o Brasileiro é preciso elenco. Vai que um garoto comete um erro grave... Nunca mais joga no Flamengo”.

ODOL

Nenhum comentário: