terça-feira

"Camisa limpa" permanece no Rubro-Negro



Busca por patrocinador ainda está na fase embrionária. Situação Nike terá definição na quarta-feira


A delegação rubro-negra viajou na noite desta segunda-feira para Belém do Pará, onde o Flamengo enfrenta o Remo, na próxima quarta-feira, pela Copa do Brasil, a diretoria do clube segue trabalhando intensamente com o que diz respeito às questões envolvendo o novo patrocinador do clube e o fornecedor de material esportivo. Após o encerramento da parceria de 25 anos com a Petrobras, três empresas estão interessadas em estampar a sua marca no uniforme do Mais Querido do Brasil. No entanto, rumores dão conta de que Oi e Nestlé estão dominando a preferência, mas uma definição está longe de acontecer. Isto porque, segundo o vice-presidente de Marketing do clube, Ricardo Hinrichsen, o processo para a escolha ainda está na fase embrionária.

"É muito difícil prever quando teremos um novo patrocinador. Pode ser em uma semana, quinze dias, um mês, dois meses. Tudo depende do acordo entre as partes. O Corinthians ficou três meses sem patrocínio. Daí já podemos tirar uma idéia", explica.

Com isso, o Flamengo vai continuar atuando com a "camisa limpa" pela Copa do Brasil e nos jogos restantes do Campeonato Carioca. Estima-se que o novo patrocinador renderá R$ 16 milhões por ano aos cofres do clube.

Nike: definição na quarta-feira

Na próxima quarta-feira, dia 8 de abril, o prazo para a Nike (atual fornecedora de material esportivo) igualar ou superar a proposta da Olympikus se dará por encerrado. Porém, tal situação não deve ocorrer. Isto porque, a Olympikus se comprometeu a pagar R$ 20,5 milhões ao Flamengo no primeiro ano e R$ 31 milhões no segundo. A tendência é de que o acordo seja amigável, e que o clube comece a usar os uniformes fornecidos pela Olympikus a partir do dia 1 de julho. Ricardo Hinrichsen confirmou que o anúncio oficial da permanência ou não da Nike será dado nesta quarta-feira.

[JS]

Nenhum comentário: