domingo

Mengão vai à luta nos Aflitos pelo sonho do hexa


Na luta pelo título brasileiro, Rubro-Negro, que faz aniversário hoje, encara o desesperado Náutico

O Flamengo tem hoje, às 17h, contra o Náutico, no Estádio dos Aflitos, mais um capítulo na sua luta pelo título do Campeonato Brasileiro. Jogadores e comissão técnica fizeram um pacto pela conquista do hexa. Adriano é a esperança de gols do rubro-negro, que terá pela frente um time em crise e que luta desesperadamente contra o rebaixamento. A carga de 18 mil ingressos está esgotada, sendo que quatro mil foi destinada para os torcedores rubro-negros, que ontem compareceram ao último treino do time, na Ilha do Retiro, apenas em número razoável, mas a devoção ao time foi a mesma que na recepção da sexta-feira à noite na capital pernambucana.

A vitória também servirá para deixar a festa completa, já que o clube completa hoje 114 anos de fundação. “Todos esses ingredientes não pressionam e sim motivam. Precisamos vencer, mas sabemos que será um jogo muito difícil pela situação do Náutico”, afirma Leonardo Moura.

Para deixar o ambiente ainda mais tenso, na sexta-feira, um torcedor do Náutico que assistia ao treino no Estádio dos Aflitos xingou o atacante Ferreira, os jogadores foram até o alambrado na companhia do técnico Geninho, mas a confusão foi contornada.

Como se diz no futebol, o grupo do Flamengo está fechado, deixando de lado qualquer tipo de problema para focar no título. “Esse é o nosso objetivo. Queremos terminar entre os times classificados para a Libertadores. Contra o Náutico, temos que fazer um jogo de paciência, esperar o momento certo para definir a partida”, acredita o zagueiro Álvaro.

Bombas amigas

No treino de ontem, na Ilha do Retiro, Adriano treinou cobranças de penalti e teve ótimo aproveitamento. Descontraído, o Imperador também arrumou uma brincadeira temerosa para seus companheiros, disparando “bombas” com as bolas contra seus companheiros. No fim do treino, Bruno, Álvaro e Adriano atenderam os pedidos de fotos e autógrafos dos torcedores. O atacante foi o mais festejado. Hoje, ele pode ser o principal responsável pela festa rubro-negra.

FS com ODOL

Nenhum comentário: