quarta-feira

Sem Pet, Fla desafina


Visivelmente fora de ritmo sem o comando do maestro Petkovic, o Flamengo foi presa fácil para a fraca equipe do Barueri e perdeu por 2 a 0, desperdiçando a chance de entrar no G-4. O resultado encerrou a série de 10 jogos de invencibilidade do time, que ainda caiu para o 6º lugar, já que o Cruzeiro bateu o Santo André por 3 a 2 e chegou aos mesmos 51 pontos do Rubro-Negro, mas leva vantagem no número de vitórias.

Debaixo de chuva, o Flamengo começou o jogo atrás, tentando jogar nos contra-ataques. O Barueri foi pra cima, criando duas boas chances. O Fla só reagiu aos 10, em chute de Willians.

Em seguida, o Rubro-Negro balançou a rede, mas não valeu. Após um escanteio, Ronaldo Angelim cabeceou a bola na trave. No rebote, Aírton, adiantado, empurrou para a rede, e o juiz marcou impedimento. O Fla seguiu com maior domínio de bola, mas sem chutar ao gol.
Sem conseguir penetrar na defesa do time paulista, restava ao Flamengo arriscar de fora da área. Fierro e Zé Roberto tentaram, mas sem sucesso.

Quando os dois times já pensavam na segunda etapa, um erro da arbitragem prejudicou o Mengão. Thiago Humberto recebeu a bola em impedimento, deu um lençol em Álvaro e tocou para Val Baiano abrir o placar, aos 48 minutos do primeiro tempo.

O Flamengo voltou com Dênis Marques no lugar de Fierro. O time não criava nada e ainda dava chances para o Barueri nos contra-ataques. E foi assim que os paulistas fizeram o segundo gol. Aos 35, Juan - que vinha sendo muito vaiado - foi substituído e reclamou com o técnico Andrade: "Assim você me queima", disse o lateral, que ainda teria xingando o treinador e os torcedores rubro-negros, que atiraram objetos em cima dele.

FS com MH

Nenhum comentário: