terça-feira

Andrade lamenta saída de Emerson e diz que convocaria Adriano para a seleção


O técnico Andrade, do Flamengo, participou do Bate-Bola 2ª Edição da ESPN Brasil de ontem. O comandante rubro-negro confirmou que a diretoria busca reforços para a sequencia do Campeonato Brasileiro e o interesse no volante Corrêa, ex-Palmeiras, atualmente no Dínamo de Kiev.

“Seria um bom nome. Teve uma conversa. É um nome que está em pauta. Podemos chegar a um acerto com o jogador. Ele poderia ajudar a preencher os espaços deixados pelo Ibson e pelo Kléberson”, afirmou, citando a perda de um outro jogador. "Dificilmente o Emerson fica. Não tenho um jogador do mesmo nível”, lamentou Andrade.

O técnico reconheceu que o Flamengo não vive uma grande fase, assim como o futebol carioca, mas disse que a equipe tem boas chances de reagir.

“O futebol carioca passa por um momento difícil. Ele já foi o carro-chefe do futebol brasileiro. Atualmente, o futebol de São Paulo atravessa um momento melhor. Mas temos tudo para mudar. A tendência é mudar para melhor”, discursou esperançoso. “Não é o momento que todos gostariam de passar. Nós precisamos ganhar quatro ou cinco jogos para que a equipe possa almejar um lugar melhor. A diretoria está trabalhando e tem me dado o apoio necessário”, disse.

Sobre o elenco, Andrade aproveitou para elogiar Adriano e o jovem Lenon. O comandante, inclusive, afirmou que o 'Imperador' merece uma vaga na seleção brasileira.

“Eu convocaria o Adriano. Mesmo não estando 100%, ele é melhor do que muitos jogadores que estão aí. Atualmente, ele está com 60 ou 70% da sua forma física”, revelou.

Já sobre Lenon, Andrade aprovou o comportamento do jovem jogador no duelo do último domingo, contra o Grêmio, no estádio Olímpico.

“Gostei muito da atuação dele. É um jogador que, futuramente, tenho certeza que será titular”, analisou.

Ainda a respeito do último jogo do Flamengo no Campeonato Brasileiro, o treinador voltou a destacar a atuação do goleiro gremista Victor.

“Em 30 anos, eu nunca vi algo parecido. Ele estava em uma tarde inspirada. Estava naquele dia que tudo dá certo. Por que ele pegou tudo logo ontem, contra o Flamengo? Não poderia ser em outro jogo?”, brincou.

Espn

Nenhum comentário: