sábado

Que venha a Taça Libertadores da América!


Principal pedido dos rubro-negros para 2010 é a conquista da competição continental

O título brasileiro conquistado no final de 2009 animou jogadores, comissão técnica e torcedores do Flamengo. Depois de um ano tão positivo, onde, pela primeira vez na história, o clube foi campeão carioca e nacional na mesma temporada, a expectativa é grande para 2010. O ano que se inicia nesta sexta-feira também pode ser histórico para o Rubro-Negro. Principalmente, se o principal desejo dos flamenguistas se realizar, e o clube conquistar a Taça Libertadores da América.

Por isso, neste réveillon, a equipe do site oficial do Flamengo publica declarações de jogadores, famosos, ex-jogadores, eternos ídolos e torcedores, que esperam que 2010 seja ainda melhor do que 2009. Os pedidos variam, mas a grande maioria deles passa pela conquista da Taça Libertadores. Outros já sonham com a inauguração do Museu do Flamengo e alguns pedem a finalização das obras do Ninho do Urubu. Vale a pena conferir.

Zico, maior jogador da história do Flamengo: "Para mim, 2009 não foi surpreendente. O que se espera sempre é que o Flamengo brigue por títulos. Creio que isso é o mais importante. Ter a condição de poder ter uma equipe à altura do Flamengo, que tem sempre que ter expectativa de grandes anos. Acredito que a gente teve um final de ano muito bom no que se refere a futebol, mas o clube não é só isso. O clube precisa voltar suas atenções para o todo. O futebol é o carro-chefe, mas torcemos também para que o clube seja bem administrado e revitalizado. O clube também precisa concluir as obras do CT, que é fundamental para qualquer equipe de ponta".

Patrícia Amorim, presidenta eleita do Flamengo: "Nosso orçamento cresceu, mas a estrutura não. Temos que ajustar nossa casa. Meu compromisso é gerir o Flamengo de maneira profissional. Transparência é prioridade. Que meu coração rubro-negro pulse em cada um de vocês para que consigamos levar o Flamengo à grandeza que ele merece ter. Agradeço a todos que confiaram na capacidade do nosso trabalho. Sempre disse que ganharia a eleição e estou dizendo que o Flamengo será maior do que é hoje. Nós vamos conseguir isso".

Gilmar Rinaldi, ex-goleiro e empresário de Adriano: "Este é um momento especial para o Flamengo, e o clube tem que aproveitar isso, pegar impulso e alçar vôo. É preciso corrigir algumas coisas, mas deixo registrado meus parabéns a quem fez esse trabalho no ano de 2009, ao trazer o Adriano, montar uma equipe forte... Muita gente trabalhou para isso e fez do Flamengo, novamente, um gigante. Agora é o momento de pegar este embalo e continuar trabalho, porque isso é bom não só para o futebol carioca, como também brasileiro e mundial".

Bruno Coimbra, presidente do CFZ e filho de Zico: "A temporada de 2009 não poderia ter sido melhor. Mais um carioca, o Brasileiro que não ganhava há muito tempo, mas acho que 2010 pode ser ainda mais histórico. Agora o foco é a Libertadores. Para ser campeão, tem que manter o grupo, trazer alguns reforços, ver se vai encaixar, continuar na mesma pegada, e se o trabalho for bem feito novamente, a tendência é só melhorar".

Leonardo Moura, lateral-direito do Flamengo desde 2005: "De repente esse título vem para finalizar meus anos de contrato com o Flamengo. Para começar a escrever o fim do meu livro aqui. Sabe aquele último capítulo de novela que todo mundo quer? Então... Depois eu veria o que fazer. Pegar essa família e dar uma volta ao mundo. E o título é possível, pelo grupo que temos. Se acreditarmos como fizemos na reta final do Brasileiro é bem possível."

Diogo Nogueira, cantor e compositor: "Vamos ganhar tudo e 2010. Com esse time, o Andrade treinando, o trabalho sendo bem feito... Não vai ter para ninguém. O Imperador fica e vai nos levar ao título da Libertadores e do Mundial".

Bruno, goleiro do Flamengo desde 2007: "Todo jogador só é lembrado na história de um clube quando conquista títulos. E eu já ganhei quatro aqui no Flamengo. Mas eu quero mais, quero a Libertadores".

Marcelo Serrado, ator: "A prioridade é a Libertadores. Vamos torcer. É difícil, tem times fortes, como São Paulo, Corinthians... As pedreiras de fora do Brasil, como a LDU e esses times que sempre complicam, mas acredito que, se mantivermos a base, vamos conseguir chegar longe. Já vi muitos títulos e quero ver mais esse".

Maldonado, volante do Flamengo desde 2009: "Na Libertadores são todos times difíceis. É sempre complicado jogar no Chile, na Argentina, e para o Flamengo não será diferente. Nosso time ainda precisa melhorar muito para encarar essa competição. Esperamos que cheguem jogadores com experiência, principalmente de Libertadores".

Smigol, repórter da SporTV: "Acho que o time tem que lutar pela Libertadores. Acredito que a equipe tem plenas condições de ir bem, ainda mais com a eleição da Patrícia Amorim. Ela vai sofrer muito preconceito, por ser mulher, mas tem tudo para dar certo. O time é competitivo e se mantiver a base e a pegada vai buscar os títulos. Estadual é obrigação, tem que ganhar todo ano (risos). Mas temos que focar na Libertadores, que é o objetivo principal".

FS com AF

Nenhum comentário: