segunda-feira

Provocações marcaram os clássicos contra os rivais


O quinto tricampeonato do Flamengo vai ficar marcado pela criatividade da torcida rubro-negra nas arquibancadas do Maracanã. Além dos gritos de apoio ao time e de provocação aos adversários, faixas e cartazes tomaram conta do lado rubro-negro. Em todos os clássicos contra os rivais, uma novidade surgiu do lado esquerdo das cabines de rádio.

Contra o Vasco, em partida válida pela Taça Rio, os rubro-negros infestaram as arquibancadas com o número 2 bem grande, uma alusão a queda do adversário para a Série B do Brasileiro, além da faixa 'Antes vice, agora segundona'.

Na semana antes da semifinal da Taça Rio, contra o Fluminense, o presidente tricolor declarou que o Fla tremia quando enfrentava o rival. Em campo, o Flamengo derrotou o Flu por 1 a 0 e, além de uma música para o técnico Parreira lembrando a passagem dos dois pela Série C do futebol nacional, uma faixa foi estendida ao fim do jogo com os dizeres: 'Nós trememos sim.. o Maracanã'.



Na final da Taça Rio, a arquibancada amarela teve toda uma coreografia para empurrar o time com placas de apoio com a música 'Vamos Flamengo eu tô aqui e te sigo a todo lado..."

No primeiro jogo da final do Carioca, contra o Botafogo, a surpresa foi o lado destinado aos alvinegros com muitos lugares vazios. Algo inimaginável para uma final de campeonato. Os Rubro-negros não perdoaram e cantaram "Cadê você, cadê você... ", uma paródia de uma música que a torcida botafoguense usa para apoiar o seu time.

[O Dia]

Nenhum comentário: