segunda-feira

Zico chega para ajeitar o Flamengo


Por O Dia

O Flamengo começa hoje uma nova era. Zico chega da África do Sul para assumir de fato o cargo de diretor executivo do futebol. Com negociações em curso e apenas a contratação do zagueiro Jean confirmada, o eterno ídolo rubro-negro tem a missão de acalmar os ânimos e conseguir montar um time forte para a sequência do Campeonato Brasileiro depois da Copa do Mundo.

Zico foi contratado pouco antes da paralisação para o Mundial. O fato pegou todos de surpresa, já que a negociação aconteceu de forma rápida e sigilosa. Depois de acompanhar à distância os últimos acontecimentos, incluindo a perda de reforços de peso e até a possibilidade de Luiz Felipe Scolari assumir o cargo de técnico, ele finalmente terá seu primeiro contato direto amanhã com o grupo de jogadores na reapresentação na Gávea.

Além de ir em busca de reforços, o primeiro incêndio a ser apagado é com relação à mudança da comissão técnica. No fim de semana, o auxiliar Marcelo Sales, os preparadores físicos Alexandre Sanz e Marcelo Martorelli e o preparador de goleiros Roberto Barbosa foram demitidos.

O principal nome nessa mudança é o de Roberto. Homem de confiança do goleiro Bruno, sua saída pode fazer com que o jogador peça para ser negociado. Para o seu lugar, o favorito é Cantarelli, companheiro de Zico no Flamengo dos anos 80. Para a preparação física, o escolhido deve ser Toninho Oliveira, que já passou pelo clube.

O técnico Rogério Lourenço e o preparador físico Daniel Jouvin seguem no clube, mais uma prova da confiança de Zico no trabalho do treinador.

Enquanto Zico chega, o diretor de futebol Carlos Peixoto, que conduzia várias negociações, embarcou ontem para a África do Sul, onde deve assistir aos três primeiros jogos do Brasil na Copa do Mundo.

O Dia - THALES SOARES

Nenhum comentário: