quinta-feira

Emerson não vai à Gávea e fica a um passo da saída para os Emirados Árabes


Sheik finaliza transferência para o Al-Ain, e Adriano troca a Gávea por consulta médica. Zé Roberto tem suspeita de fratura na mão

Emerson não apareceu na Gávea nesta quinta-feira, e a saída do atacante para o Al-Ain, dos Emirados Árabes, deve ser oficializada em breve. O jogador se reuniu com a diretoria rubro-negra horas antes da partida contra o Fluminense, pela Sul-Americana, e pediu mais uma vez para ser liberado. No Oriente Médio, Emerson receberá cerca de R$ 17 milhões por um contrato de dois anos, uma proposta que o atacante considera irrecusável.

Adriano também não foi ao treino desta tarde. Segundo o clube, ele esteve no consultório do médico José Luiz Runco para averiguar a evolução do tratamento na coxa esquerda. O Imperador se apresenta à seleção brasileira na segunda-feira e só retorna ao Flamengo dia 10 de setembro. Ele perderá as partidas contra o Santo André - por suspensão - e Atlético-PR, no dia 6, na Arena da Baixada.

Sem a dupla de ataque titular, o técnico Andrade deve ter outro problema para o jogo de sábado, contra o Santo André, no Maracanã. Zé Roberto foi tirar radiografia da mão direita. Há suspeita de fratura no local.

GE

Nenhum comentário: