terça-feira

Plínio volta sem resolver problema de Ibson



Diretor não se encontra com dirigentes do Porto


Plínio Serpa Pinto viajou para a Europa de férias, mas com um objetivo envolvendo trabalho em mente: se encontrar com dirigentes do Porto para iniciar as negociações envolvendo a permanência de Ibson no Flamengo. Acontece que a tão esperada reunião não ocorreu por problemas de agenda. O diretor de futebol do clube retorna nesta terça-feira ao Brasil.

O fato desanimou Plínio, mas não tirou suas esperanças de conseguir manter o apoiador no clube. O diretor disse que ainda conta com o apoio de Eduardo Uram, empresário do jogador, e, principalmente, com o desejo de Ibson em continuar.

- As reuniões ficaram para frente. Ainda temos um mês de contrato do Ibson conosco e vamos fazer de tudo para mantê-lo. Estamos trabalhando e conversando muito. Não estou animado, mas sigo com esperanças - disse.

Para comprá-lo em definitivo, o Flamengo terá de desembolsar cerca de R$ 11 milhões. A diretoria espera conseguir reduzir e parcelar o valor. A compra em definitivo é a única opção, já que o Porto não pretende ceder Ibson por empréstimo pela terceira vez. O que pode dificultar a vida do clube é o interesse do Grupo Sonda, que pretende comprar Ibson e repassá-lo ao Internacional.

[Lance]

Nenhum comentário: