quinta-feira

Para Flamengo, posição do Sport na tabela é mentirosa



Mesmo jogando como visitante, o Flamengo é apontado por muitos como o favorito para o próximo domingo diante do Sport, pois faz boa campanha no Brasileiro - é o sexto colocado com sete pontos conquistados e podendo alcançar os líderes em caso de triunfo. Do outro lado, o Leão pernambucano amarga a zona de rebaixamento, com dois pontos e ainda sem conseguir vencer na competição.

Apesar deste cenário, os rubro-negros não assumem o favoritismo e deixaram bem claro que a má fase do rival não é levada em consideração. "O Sport conta com grandes jogadores e essa posição deles na tabela de classificação do Campeonato Brasileiro é mentirosa. Com certeza eles têm time para brigar na parte de cima e não contra o rebaixamento", analisou o atacante Emerson.

"Sempre que entra em campo, o Flamengo conta com o respeito dos seus adversários pela sua grandeza. Ainda mais porque estamos vindo de dois resultados positivos. Porém, não podemos ser considerados favorito dentro da Ilha do Retiro", argumentou Ronaldo Angelim.

"O nosso adversário tem um grande time, fez uma grande Copa Libertadores e essa situação no Campeonato Brasileiro com certeza é provisória. Portanto, não podemos nos iludir com o momento do Sport", prosseguiu o zagueiro, que tem um pensamento semelhante ao de Emerson.

"Sabemos que vamos ter muitas dificuldades e temos que estar preparados para tudo. Mas a vitória seria muito importante para o Flamengo, pois assim as chances de entrarmos na faixa de classificação para a Copa Libertadores serão grandes", projetou o atacante.

Cuca também não considera que o Flamengo vá encontrar algum tipo de facilidade na Ilha do Retiro. O treinador entende que a má fase dos pernambucanos, na verdadem será um complicador a mais para os cariocas. "Não dá para esperar facilidade quando se enfrenta o Sport dentro da Ilha do Retiro, onde o nosso adversário é ainda mais forte", alertou o técnico.

"O Sport conta com grandes jogadores, acostumados a reagir nas dificuldades e não vejo muita vantagem em enfrentá-los nesta fase, muito pelo contrário. Agora que eles vão se esforçar ainda mais para tirar o time da zona de rebaixamento. Será um dos nossos jogos mais complicados", antecipou-se o comandante.

[Espn]

Nenhum comentário: