domingo

Fla não vê jogo fácil na final



Mesmo com as ausências de Maicosuel e Reinaldo, rubro-negros pregam respeito ao Botafogo na decisão


As ausências de Maicosuel e Reinaldo na decisão do Campeonato Carioca por parte do Botafogo não iludem o Flamengo. Para os rubro-negros, o Alvinegro, sem dois dos seus principais jogadores, será tão forte como se eles estivessem em campo. Na manhã de ontem, os jogadores do Fla tentaram minimizar os desfalques botafoguenses e rechaçaram o rótulo de favorito.

Com as ausências de Maicosuel e Reinaldo, o Botafogo perde em poderio ofensivo e o técnico Ney Franco foi obrigado a mudar o esquema de jogo. Para o segundo jogo da final é provável que o Alvinegro atue no esquema 3-6-1, com as responsabilidades de balançar as redes do Flamengo caindo nos ombros de Victor Simões.

Apesar da vantagem de ter força máxima contra um adversário “remodelado”, o Flamengo prega cautela antes da final e evita entrar em clima de euforia. “Eles perdem dois excelentes jogadores, mas quem entrar vai ter uma responsabilidade maior e vai tentar nos surpreender”, declarou o lateral-direito Léo Moura, que espera um Botafogo ofensivo. “Acredito que o Botafogo não vai ficar atrás esperando o Flamengo e também acho que não vai ser um jogo muito aberto”.

Para os lugares de Maicosuel e Reinaldo, Ney Franco deverá escalar Túlio Souza no meio-de-campo e Diego atuando mais adiantado, o que para Ibson não irá facilitar a vida do Flamengo.

“Os jogadores que entrarem vão querer mostrar seu valor, principalmente por ser uma decisão. Eles estão sem dois importantes jogadores, mas os outros que entrarem também vão querer ser campeões”, disse o meia do rubro-negro, elogiando o provável substituto de Reinaldo. “O Diego é um bom jogador, de qualidade, e vai nos dar trabalho”.

[JD]

Nenhum comentário: