segunda-feira

Quem treme, Horcades?



O presidente do Fluminense, Roberto Horcades, se revelou um péssimo profeta. Cinco dias depois de dizer que o Mengão iria tremer diante do Tricolor, o cartola viu o Rubro-Negro dominar o jogo e vencer o rival por 1 a 0, ontem, no Maracanã. Ainda na briga pelo 31º título estadual, que o deixaria isolado na lista de maiores campeões cariocas, o Flamengo vai decidir a Taça Rio contra o Botafogo, domingo. Já os tricolores assistirão à fase final pela televisão.

A torcida do Mengão comemorou aos gritos de "créu", provocando o meia tricolor Thiago Neves, que fez a dancinha no clássico da Taça Rio de 2008.

O Rubro-Negro dominou desde o início. Aos 3 minutos, Léo Moura perdeu boa chance. O Flu respondeu em contra-ataque puxado por Thiago Neves. Airton evitou o chute de Fred e, na sobra, Mariano cruzou para Everton Santos cabecear errado.

O Mengão continuou melhor e, aos 14 minutos, Ibson exigiu boa defesa de Fernando Henrique. Mas o goleiro entregaria o ouro aos 31, em chute de longe de Juan, que quicou e enganou o camisa 1. Irritada, a torcida tricolor vaiou FH.

Josiel perde gol inacreditável

O Flu voltou a ameaçar em cobrança de falta na trave de Thiago Neves. Aos 43, jogada incrível: Léo Moura roubou bola de Luiz Alberto, entrou livre na área e chutou para defesa de FH. Na sobra, Léo rolou para Josiel, que, com o gol escancarado, chutou em cima de Edcarlos.

No começo da segunda etapa, o Flu esboçou reação, e Everton Santos quase empatou. Aos 12 minutos, Diego defendeu a cabeçada de Luiz Alberto.

A partir dos 20, o Mengão se reorganizou e retomou o domínio do jogo. Não fosse a má pontaria de seus atacantes, o Rubro-Negro poderia ter goleado, mas Zé Roberto, Emerson e Léo Moura perderam chances incríveis na frente de FH, que defendeu os três chutes.

[MH]

Nenhum comentário: